Abril 10, 2019

Tudo que você precisa sobre Atlético-MG e Grêmio

Quarta-feira de Libertadores já é emocionante. Mas a lembrança é quase sempre dos grandes confrontos eliminatórios, não dos jogos mais banais da fase de grupos. Dois dos brasileiros na edição 2019, no entanto, já precisam abrir a caixinha dos milagres a partir dessa rodada.

Se falou milagre, falou em Atlético-MG. Depois de perder as primeiras duas partidas, ambas por 1 a 0, o Galo conseguiu enfim pontuar na rodada passada. Não sem susto: chegou ao intervalo perdendo para o Zamora por 2 a 0, antes de conseguir a virada e os três pontos. Agora vai ao Paraguai enfrentar o Cerro Porteño, um dos três times que chegou nessa semana ainda com 100% de aproveitamento na competição.

Em situação mais complicada está o Grêmio. O Tricolor gaúcho tem apenas um ponto, conquistado em empate na estreia contra Rosario Central. Em casa, novamente contra os argentinos, é vencer ou vencer: um empate pode eliminar ambos ainda hoje.

O que nos espera a partir das 19h15? Vamos passar informações dos dois jogos para você saber tudo que precisa antes do seu palpite.

1. Desfalque e dúvida no Galo

O Atlético-MG vai ser o primeiro a entrar em campo, abrindo a rodada em Assunção. Uma vitória é fundamental para o time manter as chances de classificação, embora a derrota ainda não o elimine. Passaria, porém, a depender de resultados do Nacional, que enfrenta hoje o lanterna Zamora.

O Galo tem o desfalque certo do zagueiro Réver, suspenso pelo terceiro cartão amarelo — o veterano Leonardo Silva será o substituto. No ataque, Maicon Bolt será mais uma vez titular, enquanto Luan virou dúvida: uma virose o tirou de treinos na semana. Chará e David Terans são os mais cotados se o “Menino Maluquinho” não tiver condições físicas para os 90 minutos.

2. Laterais alternativas para o Cerro

O Cerro chega com desfalques nas duas laterais: Candia e Arzamendia estão fora, com problemas físicos. O restante da equipe se mantém. O ataque tem os perigosos Carrizo e Óscar Ruiz, com Larrivey apoiando o veterano Haedo Valdez.

3. Galo contra décadas de tabu

O retrospecto do Galo no Paraguai não é dos melhores. Em oito partidas, tem apenas uma vitória: contra o próprio Cerro, em 1981. A série histórica tem ainda três empates e quatro derrotas — a última delas na final da Libertadores de 2013, contra o Olímpia, por 2 a 0.

Uma das derrotas, porém, tem gostinho doce. Faturou a Copa Conmebol de 1992 também contra o Olímpia, mesmo com o Decano vencendo a finalíssima por 1 a 0: havia aberto dois gols de vantagem na ida, em Belo Horizonte.

4. Grêmio modificado em busca da vitória

Do lado gremista, um tropeço pode significar o adeus ainda hoje. Mas Renato Gaúcho e seus comandados não querem saber disso: a ordem é vencer o Rosario Central e partir para a remontada na competição.

Para isso, são quatro mudanças na equipe: Matheus Henrique, Jean Pyerre, Alisson e André são cotados para ser titular, repetindo a formação (com o reforço dos laterais Leonardo e Cortez) que garantiu classificação contra o São Luiz, no Campeonato Gaúcho.

5. Estrela na academia

Um jogador importante está fora da partida: Luan foi afastado dos jogos pela comissão técnica. O meia atacante tem defasagem no condicionamento físico e está treinado longe do elenco, buscando voltar a ter forma adequada para atuar.

6. Argentinos em queda livre

O Rosario não tem mais grandes pretensões na Libertadores. O time está no seu terceiro técnico de 2019 e venceu apenas uma de dezesseis partidas no ano. Para piorar, uma crise de lesões reduziu as opções disponíveis para a partida de hoje à noite.

Resultado? Sem Matías Caruzzo, Allione, Gonzalo Bettini e Leonardo Gil, o técnico Diego Cocca preferiu preservar mais jogadores para a disputa da Copa da Superliga Argentina. Ortigoza, Camacho, Rinaudo e o artilheiro Zampedri nem viajaram com a delegação para Porto Alegre.

 

No Paraguai, o Cerro Porteño tem tudo a ser favor. Larga como favorito, pagando 2.28 contra 3.05 para o Atlético-MG. As equipes fizeram jogo bem truncado no Mineirão e a expectativa é que o mesmo aconteça em Assunção. Menos de 2 gols paga 2.08.

Em Porto Alegre, o Grêmio tem caminho mais fácil para a vitória, e as cotações refletem isto. Vitória Tricolor paga 1.22, contra 11.5 para triunfo canalla e 5.10 para o empate. O ataque gaúcho ainda não deslanchou — apenas um gol em três jogos — mas os reservas do Rosario podem ser o adversário ideal para que isso aconteça. Vitória gremista por 2 gols de diferença tem retorno 3.75.

Pronto para apostar de verdade?
Visite o 188BET.COM e faça apostas com dinheiro real em jogos de verdade. Retire seus ganhos com facilidade e segurança. 

Seu primeiro depósito vale o dobro - Aposte pra valer

 

Sobre 188BET
O 188BET.COM é um site especializado em apostas ao vivo. Os mercados de futebol cobrem mais de 400 ligas diferentes, oferecendo, em média, 10 mil jogos ao vivo a cada mês. Faça apostas com dinheiro real em partidas de verdade. Seu primeiro depósito vale o dobro até R$200.

Imagem: Reuters

Mais Postagens

Junho 21, 2019

8 informações sobre Peru x Brasil

A Seleção Brasileira chega a sua primeira decisão na Copa América 2019. O empate com a Venezuela na segunda partida da fase de grupos impediu que a equipe garantisse a classificação antecipada. Ficou...

Junho 19, 2019

Análise prévia de Argentina x Paraguai

A Argentina decepcionou na estreia da Copa América, perdendo para a Colômbia por 2 a 0. Placar que o Paraguai chegou a construir sobre o Catar, antes de ver os convidados asiáticos empatarem no...

Junho 14, 2019

4 destaques sobre Brasil x Bolívia

Após semanas de preparação, a Copa América vai ter o pontapé inicial nesta sexta-feira. Brasil e Bolívia se enfrentam no Morumbi procurando começar com o pé direito no torneio continental. As duas...